fbpx

VI FAGIC - Feira de Artesanato, Gastronomia, Indústria e Comércio de Coimbra | Taveiro

Calendário
Distrito de Coimbra
Data
Qui. 12/09 - Dom. 15/09

Descrição


A sexta edição da Feira de Artesanato, Gastronomia, Indústria e Comércio, promovida pela União de Freguesias de Taveiro, Ameal e Arzila, vai decorrer entre 12 e 15 de setembro.

A FAGIC, que contou na edição anterior com cerca 70 expositores, tornou-se a maior Feira Agrícola Industrial e Comercial do concelho de Coimbra.

 

6ª Edição da FAGIC abre portas esta quinta-feira

No panorama musical, Dillaz é o cabeça-de-cartaz, onde marca também presença o mais que popular Quim Barreiros, além dos Fonte da Pipa - um grupo de música tradicional portuguesa, cuja origem é a freguesia de Arzila, que a par de Ameal e Taveiro, as três que formam esta União de Freguesias.

 

VI FAGIC - Feira de Artesanato, Gastronomia, Indústria e Comercio

 

 

Começa esta quinta-feira a sexta edição da Feira de Artesanato, Gastronomia, Indústria e Comercio de Coimbra. Organizado pela Junta de Freguesia da União de Freguesias de Taveiro, Ameal e Arzila, o certame junto em 2019, sete dezenas de expositores.

No panorama musical, Dillaz é o cabeça-de-cartaz, onde marca também presença o mais que popular Quim Barreiros, além dos Fonte da Pipa - um grupo de música tradicional portuguesa, cuja origem é a freguesia de Arzila, que a par de Ameal e Taveiro, as três que formam esta União de Freguesias.

As tasquinhas ao longo dos quatro dias reúnem alguma da melhor gastronomia do baixo Mondego, onde o arroz carolino é rei. 
A cultura marca presença no sábado com a Loucomotiva marca presença no sábado com o espetáculo Drop n' Kick  
No domingo, a grande atração da tarde é o 6 .º Grande prémio de ciclismo é já referência regional desta modalidade e à noite Quim Barreiros encerra a edição 2019 da FAGIC - Feira de Artesanato, Gastronomia, Indústria e Comercio de Coimbra, que acontece em Taveiro.

Bilhete geral (sábado e domingo): 5 euros

Bilhete (apenas) sábado: 4 euros

Bilhete (apenas) domingo: 3 euros

 

PROGRAMA

quinta, 12 de setembro

19h00 - Abertura das Tasquinhas
20h00 - Palco 2 - Duo Salgado

 

sexta, 13 de setembro

19h00 - Abertura oficial

- Participação da Filarmónica União Taveirense

20h00 - Abertura das Tasquinhas

21h00 - Luís Travassos (palco 2) 

22h30 - Fonte da Pipa (palco 1) 

00h00 - DJ RC (palco 2) 

 

sábado, 14 de setembro

12h00 - Abertura das Tasquinhas
- Gaiteiros Amigos do Mondego

17h00 - Banda Associação Salatina

18h00 - Drop n' Kick (Loucomotiva)

21h00 - Tó Miau e Amigos (palco 2) 

22h30  - Dillaz  (palco 1) 

00h00 - DJ Hélio Taborda (palco 2) 

 

domingo, 15 de setembro

12h00 - Abertura das Tasquinhas
15h00 - Grande Prémio de Ciclismo
União de Freguesias de Taveiro, Ameal e Arzila

 

 

17h30 - Banda Juvenil da FUT

21h00 - Micael Sousa (palco 2) 

22h30 - Quim Barreiros  (palco 1) 

 

[Sobre o grupo FONTE DA PIPA]

 

O grupo Fonte da Pipa nasceu em 1994, quando três dos actuais elementos decidiram formar um Grupo de Musica Popular/Tradicional que na altura veio a chamar-se Fonte Nova. Com o passar dos anos algumas actuações foram surgindo, a formação inicial foi-se modificando e nasceu o Grupo Fonte da Pipa, fruto também da criação, por parte dos elementos, da  AMPM-Fonte da Pipa.

Atualmente o Grupo Fonte da Pipa utiliza um vasto conjunto de instrumentos da musicalidade tradicional portuguesa (Cavaquinho, Viola Clássica, Viola Baixo, Viola Braguesa, Acordeão, Ferrinhos, Reco-Reco e Percussão).

Este é um grupo com uma vasta experiência em actuações de Palco e Animação de Rua, de largo currículo musical, "fruto das recolhas feitas pelos recantos deste nosso país onde tem passado, estando neste momento a produzir originais de cariz tradicional e a musicar várias temas da nossa terra (Arzila), dando-lhe uma "roupagem em termos musicais diferente, nunca fugindo da sua génese tradicional/popular" refere a banda no seu website.

 

 

[Sobre a FUT - Filarmónica União Taveirense]

 

A Filarmónica União Taveirense (FUT) é uma instituição centenária que conta com vários prémios, distinções e é um reconhecido marco na História das bandas filarmónicas do país em diversos aspectos.

Foi fundada em 21 de Abril de 1869, no reinado de D. Manuel II, como Real Philarmónica União Taveirense. É desde 1969 membro honorário da Comenda de Ordem de Benemerência (atribuída pela Presidência da República); tendo recebido a Medalha de Mérito Cultural da Câmara Municipal de Coimbra (25 Abril 1995). É desde 1997 reconhecida como Instituição de Utilidade Pública.

O Maestro Sílvio Rajado é uma figura incontornável desta filarmónica tendo passado o testemunho ao seu filho Sílvio Rajado, que deu continuidade ao trabalho realizado, alargando os horizontes e criando novos objectivos e motivações, conferindo à Banda uma qualidade invejável na Região. A criação de uma Orquestra Ligeira; posteriormente de uma Big Band; a formação de uma Banda Juvenil; o aperfeiçoamento do grau de execução dos músicos; a elevação do nível artístico; o melhoramento do repertório e do tipo de apresentações públicas, foram alguns dos pontos que mereceram a atenção das diversas direcções, que recorreram a credenciados Maestros. A 1 de Outubro de 2005, já sob a orientação do Maestro João Paulo Fernandes, participou no 1.º Concurso Nacional de Bandas – cidade de Aveiro, arrebatando o 1.º lugar, ano em que lançou o seu primeiro CD intitulado de FUTSUITE.

 

 

VEJA ou REVEJA aqui a Edição de 2018

 

 

Álbum de Fotos da 5.ª edição da FAGIC


 

Vídeo em direto (não editado) da sessão de inauguração

 

 

 

Acompanhe os eventos da Região Centro também no Facebook e Instagram

 

 

 

 

 

 

 

 

Comentários

Eventos em destaque

terça-feira, 24/setembro 11:00 - 11:30
quarta-feira, 25/setembro 18:00 - sábado, 28/setembro 23:00
domingo, 29/setembro 10:00 - 12:30
sexta-feira, 11/outubro - domingo, 13/outubro


© ON CENTRO | since 2018 | Designed by WYSiWYG