fbpx
terça-feira, 07 dezembro 2021 12:10

Opções vegetarianas chegam a custar mais do dobro, segundo estudo da DECO

Escrito por
Opções vegetarianas chegam a custar mais do dobro, segundo estudo da DECO foto ON Centro

Segundo o estudo, que usou produtos de 20 marcas diferentes, à exceção da Iglo Green Cuisine, que nalguns produtos (nuggets e fingers de proteína vegetal) “consegue aproximar-se do custo dos produtos tradicionais ou apresentar até valores mais baixos”, a média dos restantes produtos vegetarianos apresenta um aumento de custo entre 11 a 104%.

 

 

As opções de refeições vegetarianas chegam a custar mais do dobro das receitas tradicionais, segundo um estudo da Deco Proteste, que defende que as diferenças de preço afastam os consumidores.

A Deco Proteste comprou mais de 50 produtos vegetarianos que podem habitualmente substituir queijo fatiado, carne picada, hambúrgueres, almôndegas, douradinhos e salsichas e, na comparação que fez, concluiu que a diferença de preço “é substancial e afasta o conceito de substituição na hora de os consumidores fazerem contas aos gastos em alimentação”.

Segundo o estudo, que usou produtos de 20 marcas diferentes, à exceção da Iglo Green Cuisine, que nalguns produtos (nuggets e fingers de proteína vegetal) “consegue aproximar-se do custo dos produtos tradicionais ou apresentar até valores mais baixos”, a média dos restantes produtos vegetarianos apresenta um aumento de custo entre 11 a 104%.

A Deco Proteste dá o exemplo do queijo flamengo e do seu substituto vegetariano, com base de gordura de coco, que, por quilo, custa 21,90 euros – mais 16 euros do que o tradicional.

“Os hambúrgueres e os panados vegetarianos exigem um esforço orçamental igualmente considerável – mais 10 euros do que o formato conservador. Na carne picada e nas almôndegas a diferença ronda os nove euros, enquanto as salsichas enlatadas de soja e de carne distam seis”, sublinha a organização.

Os fabricantes justificam a diferença de preço com “elevados custos de produção” e com o “mercado pequeno, que não permite ganhos em escala”, refere a Deco Proteste, acrescentando que o investimento em investigação e desenvolvimento é outro dos argumentos mencionados pelas marcas.

Segundo os dados disponíveis, “o número de vegetarianos quadruplicou nos últimos 10 anos” e “cerca de duas em três pessoas estão a transitar para uma alimentação sem carne”, refere a organização, sublinhando que esta é “uma tendência em franca expansão nos Estados Unidos da América e no Reino Unido” e que 10% dos portugueses entre os 25 e os 74 anos se assumem como flexiterianos ou semivegetarianos.

 

PUBLICIDADE











Programação do Centro de Artes de Águeda

 

 

 

Siga as notícias da Região Centro no FacebookInstagramTwitter e Youtube


[+] de Youtube ON Centro






 

Shorts ON Centro @ Youtube



Viver a Vida intensamente,
sempre, sempre, sempre! (...)






O Amor é Importante!


 

Bebe, bebe, bebe!




VER MAIS »»»

 

 

Partilhar

Últimos artigos

Agenda de eventos

Aveiro: Pedro Mafama
Aveiro: Pedro Mafama
Sex. 31/05 21:30
Lousã: Dia Mundial da Criança
Lousã: Dia Mundial da Criança
Sáb. 01/06 16:00 - 20:00
Sertã: Ecomercado
Sertã: Ecomercado
Dom. 02/06 09:00
Águeda: Sérgio Godinho e Os Assessores no Centro de Artes
Águeda: Sérgio Godinho e Os Assessores
Sex. 07/06 21:30 - 23:00
Águeda: 'Suécia' no CAA
Águeda: 'Suécia' no CAA
Sex. 14/06 21:30 - 23:00
Lousã: Festas de São João
Lousã: Festas de São João
Qui. 20/06 21:30 - Ter. 25/06
AgitÁgueda 2024
AgitÁgueda 2024
Sáb. 06/07 - Dom. 28/07
AgitÁgueda 2024: Manu Chao
AgitÁgueda 2024: Manu Chao
Ter. 16/07 22:00
Mira: Festas de São Tomé
Mira: Festas de São Tomé
Sáb. 20/07 - Qui. 25/07


Sobre nós


Plataforma em rede de comunicação e divulgação

 
A ON CENTRO é uma rede digital de comunicação e valorização territorial, que visa promover a região Centro e informar junto do público nacional e estrangeiro.

Aceda aqui às notícias de Aveiro, Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Leiria, Santarém e Viseu; e do resto do País.

Other languages


Contactos


Morada

Rua Simões de Castro, nº 170, 5º B 3000-387 Coimbra

Email
geral@on-centro.pt

Parcerias
Inês Vicente
oncentro.pt@gmail.com

Telefone (+351)
rede fixa nacional: 239 821 655
rede móvel: 933 075 555

 

 


Redes sociais


 


Newslettter

Subscreva a nossa newsletter para ficar a saber o que de importante acontece na região e no país.

Subscrever