fbpx

PJ detém homem suspeito de ameaçar matar o Presidente da República

Escrito por
Partilhar
PJ detém homem suspeito de ameaçar matar o Presidente da República Foto © ON Centro/Arquivo

 

Segundo a estação televisiva, a operação da PJ envolveu fortes medidas de segurança, uma vez que o suspeito detido terá antecedentes criminais associados a criminalidade violenta.

 

APolícia Judiciária (PJ) deteve esta terça-feira, 24 de janeiro, em Lisboa, um homem suspeito de ameaçar matar o Presidente da República.

A informação foi avançada pela CNN Portugal, que refere que as ameaças a Marcelo Rebelo de Sousa surgiram em outubro, numa carta enviada para a Casa Civil em que alegadamente era exigido o pagamento de um milhão de euros para não matar o chefe de Estado – com indicação da conta bancária para onde deveria ser feita a transferência do dinheiro - e que incluía ainda uma bala.

Segundo a estação televisiva, a operação da PJ envolveu fortes medidas de segurança, uma vez que o suspeito detido terá antecedentes criminais associados a criminalidade violenta.

 


PUBLICIDADE




 

Siga as notícias da Região Centro no FacebookInstagramTwitter e Youtube

 

Mais recentes no Instagram

 

Em destaque no YouTube







 

Partilhar

Deixe um comentário

Últimos artigos

Próximos eventos

 

Facebook


Sobre nós


Plataforma em rede de comunicação e divulgação

 
A ON CENTRO é uma rede digital de comunicação e valorização territorial, que visa promover a região Centro e informar junto do público nacional e estrangeiro.

Aceda aqui às notícias de Aveiro, Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Leiria, Santarém e Viseu; e do resto do País.

Other languages

ptzh-CNenfrdeitjakorues


Contactos


Morada

Rua Simões de Castro, nº 170, 5º B 3000-387 Coimbra

Email
geral@on-centro.pt

Parcerias
Inês Vicente
oncentro.pt@gmail.com

Publicidade
Manuel Borges
publicidade.oncentro.pt@gmail.com

Telefone (+351)
239 821 655
933 075 555

 

 


Redes sociais


 


Newslettter

Subscreva a nossa newsletter para ficar a saber o que de importante acontece na região e no país.

Subscrever